Resenha "Não se apega, não" - Isabela Freitas



Não se apega, não


Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado. Loucos são os que mantêm relacionamentos ruins por medo da solidão. Qual é o problema de ficar sozinha? Que me desculpe o criador da frase “você deve encontrar a metade da sua laranja”. Calma lá, amigo. Eu nem gosto de laranja. O amor vem pros distraídos.Tudo começa com um ponto final: a decisão de terminar um namoro de dois anos com Gustavo, o namorado dos sonhos de toda garota. As amigas acharam que Isabela tinha enlouquecido, porque, afinal de contas, eles formavam um casal PER-FEI-TO! Mas por trás das aparências existia uma menina infeliz, disposta a assumir as consequências pela decisão de ficar sozinha. Estava na hora de resgatar o amor próprio, a autoconfiança e entrar em contato com seus próprios desejos.Parece fácil, mas atrapalhada do jeito que é, Isabela precisa primeiro lidar com o assédio de um primo gostosão, das tentações da balada e, principalmente, entender que o príncipe encantado é artigo em falta no mercado.



Em seu primeiro livro, Isabela traz as aventuras vividas por sua personagem. Isabela é uma garota de 22 anos que acaba de terminar um relacionamento de 2 anos com o cara que todas as suas amigas achavam ser um “príncipe”, mas que na verdade tratava-se de um sapo. Depois de passar pelo julgamento de todas as pessoas que conviviam com ela, pois acreditavam que ela tinha feito besteira por terminar um namoro perfeito, Isa começa a se confrontar com alguns questionamentos. Entre eles, os motivos de ter insistindo por tanto tempo com o Gustavo, e de como um casal “maravilhoso”, poderia ser tão infeliz.
Com um linguagem despojada e com muito humor, a história é super envolvente, o que me fez ler em apenas 2 dias. Além disso, a personagem traz situações as quais muitas vezes nos deparamos, eu me encontrei muito na Isa. O título traz um pouco de receio, podendo ser até associado ao famoso “pega e não se apega”, porém a autora traz que desapego não é desamor.
A história traz uma garota comum, que vive momentos iguais a maioria. Justamente por ser tão comum, tão real, você se apaixona pela história e fica com a sensação de não querer se desgrudar do filme nada romântico da Isa. Que contém ex-namorados, pretendentes, ficantes esporádicos, e seus maravilhosos amigos Amanda e Pedro. Aliás, por um momento pensei que se formaria o casal PeIsa...  
Muitos questionamentos foram feitos durante a leitura, e com certeza eles me levaram a reflexão. A Isa passou por tantas fases: pós-termino, tristeza, perdas, solidão, a vontade de sair para “pegar” geral e curtir a solteirice, e finalmente aquele momento que há um desapego e novamente ela começa a sentir feliz e vida outra vez.
Aprendam com a Isa, a não permanecer em um relacionamento por comodismo, por medo de ficar só... aprendam a não esperar o príncipe encantado. E, amar-se acima de qualquer coisa. E o principal de todas as regras, aprenda a desapegar, ou melhor, a Não Se Apegar, Não.
Parabenizo a autora, pois em seu primeiro livro ela conseguiu um enorme sucesso no cenário da leitura nacional. O livro é apaixonante e essencial. Não apenas pelo conteúdo, mas também pela capa.... Pelas frases maravilhosas que acompanham os inícios dos capítulos. E parabéns pela Editora, por ter dado a oportunidade de leitores que assim como eu, também se apaixonaram pelas aventuras da Isa. 
Nota 10. Vale a Pena Conferir...

* Vamos aguardar o próximo lançamento da autora: Não se iluda, não. 

“A vida é uma eterna roda gigante. Ora estamos em cima, ora estamos embaixo.Tudo na vida é mutável, tudo mesmo, inclusive nós. Por isso precisamos aprender a “deixar ir”. Nada é para sempre, por mais que queiramos que seja.”



Editora: Intrínseca 
Ano: 2014

Comentários

  1. Interessante Munique! Colocando na fila para fazer minha análise! Parabéns pelo comentário! Beijoo

    ResponderExcluir
  2. Interessante Munique! Colocando na fila para fazer minha análise! Parabéns pelo comentário! Beijoo

    ResponderExcluir
  3. Eu sou apaixonada pela capa e pela diagramação do livro que vi em imagens do instagram, mas nunca tive a oportunidade de lê-lo. Um dia, eu o farei!
    Amei a resenha, muito boa!
    Beijos,
    clubeleitorassumidas.blogspot.com | @leitorassumidas

    ResponderExcluir
  4. Alycia.

    Na saraiva.com está por 17,80 se não me engano, leia você vai gostar muito, beijinhos da Gi.

    ResponderExcluir

Postar um comentário