0

Resenha A Menina Feita de Espinhos - Fabiane Ribeiro

Posted by Amanda Nunes on 15:08:00 in ,

Título: A Menina Feita de Espinhos
Autora: Fabiane Ribeiro
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 352
Ano: 2015


Sinopse: Eu nasci assim. Com espinhos venenosos sobre toda a minha pele. Repelindo, assustando e repugnando as pessoas. Eu aprendi, após receber tantos olhares de repugnância, que há beleza em tudo. Há beleza na tristeza e na dor, até mesmo na raiva. E há beleza na vida, em suas despedidas e desencontros. Este livro é para aqueles que sabem conviver com espinhos, aceitam o diferente e amam sem medos e preconceitos. Para quem sabe que vai sentir dor em vários momentos da vida, mas não desiste. Quem gosta de giz de cera, bichos de pelúcia e rosas vermelhas. Para os que sabem chorar. De verdade. Não apenas derramar lágrimas. E veem beleza em tudo. Absolutamente tudo. Mas se você não é assim, este livro ainda é para você, porque celebra as diferenças.



Kat é uma menina que nasceu com uma doença epidérmica rara. Sua pele é coberta por pequenas elevações que lembram espinhos e que soltam mucos venenosos para qualquer outro ser vivo.  Por conta dessa sua condição, Kat precisa manter distância de qualquer pessoa ou animal para não os ferir. A mãe faleceu antes de ela nascer. Seus espinhos — que se formaram em sua pele ainda no útero materno — perfuraram alguns órgãos vitais da mulher que lhe deu a vida — em todos os sentidos. 


 Cada dia tinha seu brilho e havia direcionado minha vida para o que ela era agora: bonita


E é também por causa dessa condição que a protagonista sofre de inúmeros preconceitos e julgamentos pelos outros, por aqueles que não compreendem sua doença. No decorrer da história, Kat vai nos contando um pouco da sua vida, dos medos, angústias e alegrias que vivencia, fase a fase da sua vida: da infância a vida adulta. Kat passou parte da infância na cidade, mas assim que seu pai, Rubens, se aposenta, eles se mudam para um chalé numa clareira no alto das montanhas, onde Kat passa seus dias fazendo o que mais gosta: costurando, desenhando no porão, brincando no roseiral junto a Mica — um amigo que a aceita como ela é ؅—, abraçando os únicos seres que ela pode tocar sem machucá-los: os ursinhos de pelúcia.  


Ele disse que meus espinhos eram necessários porque eles faziam de mim uma roseira rara. A única a caminhar sobre a Terra e capaz de se apaixonar

Os preconceitos e olhares repugnantes são constantes em sua vida, mas sempre há aqueles que a olham além de sua aparência física. Há seu pai Rubens; o melhor amigo Mica; o cavalinho de estimação Joaquim. E quando ela conhece Greggory, a vida toma novos rumos e novos aprendizados. Greggory vê beleza em Kat, vê a beleza que muitos não veem por causa da cegueira do preconceito.
E é assim, ensinando e aprendendo, que a menina feia de espinhos nos narra sua história de forma emocionante.

Considerações pessoais

Respirar fundo. É isso que preciso fazer antes de opinar sobre esse livro.
De longe, um dos mais emocionantes e intensos que já li.
Eu diria perturbador, profundo.
Esse livro é isso e um pouco mais.
É difícil falar dele, simplesmente porque não encontro palavras para descrever a sensação que foi lê-lo. Mas vamos lá, quero tentar.
Em A Menina Feita de Espinhos, a autora não apenas nos entretém, mas nos faz refletir também. É uma história muito bonita, emocionante, e em muitos momentos eu me senti perturbada, com uma sensação no peito, como um aperto, uma angústia quase real. Nas últimas páginas os olhos lacrimejaram como poucos livros foram capazes de fazer. 


O amor é tão abstrato que o toque o torna concreto.

 
A Fabiane Ribeiro pôs muita emoção nas palavras, com simplicidade, de fácil leitura, de uma intensidade e profundidade incríveis. A cada página é quase palpável os sentimentos e emoções da personagem transbordando das páginas para nosso interior.
A narrativa começa na infância da personagem e vai até a fase adulta de forma bem satisfatória. Você consegue acompanhar facilmente o desenvolver e crescimento de Kat e em todas as fases que ela passa, da mais ingênua até seu amadurecimento como pessoa. Até seu desabrochar seria o mais correto.
Não costumo elogiar, mas a diagramação do livro também está maravilhosa. Os detalhes de espinhos nas beiras das páginas deram um charme e um diferencial para a obra.
Não há muito mais o que dizer sobre esse espetáculo de livro. É necessário lê-lo, folhear as páginas e sentir a emoção que é ter essa obra entre os dedos.
Com certeza, essa história entrará na lista de melhores lidos em 2016.
Fica a indicação recomendadíssima!

|

0 Comments

Postar um comentário

Copyright © 2009 Sessão dos Livros All rights reserved. Theme by Laptop Geek. | Bloggerized by FalconHive.